sábado, 5 de julho de 2014

Memórias - Futsal Feminino - São Bartolomeu do Outeiro 2011/2012


U.Montemor impedido de subir aos campeonatos nacionais

Quem não teve formação na época 2013/14, seja na 3.ª Divisão Nacional ou nos distritais e mesmo que tivessem conseguido desportivamente a subida, não sobem, por não possuirem os requisitos regulamentares.

Começando pelos distritais, sobem à 2.ª Divisão Nacional a equipa melhor classificada da cada Associação Distrital ou Regional que tenham no mínimo um campeonato com quatro equipas e que tivesse pelo menos um escalão de formação, ou seja se o Campeão Distrital de uma Associação que na época 2013/14 não teve no mínimo um escalão de formação não subirá e dará a vez ao segundo classificado dessa Associação caso tenha tido um escalão de formação, se a segunda classificada também não tenha tido um escalão de formação será a vez de verificar se o terceiro classificado corresponde ao regulamentado para a subida de divisão e por ai fora, ou seja um clube de uma divisão que tenha garantido desportivamente a subida à 2.ª Divisão, mas que não cumpriu a regra de ter no mínimo um escalão será sempre substituído por uma equipa da sua Associação e nunca de outra Associação mais cotada.
Quanto às equipas da 3.ª Divisão que desportivamente garantiram a subida, mas que não cumpriram com o regulamentado, ou seja, ter no mínimo um escalão de formação, seja ele qual for, não poderá subir e irá participar no campeonato D’Élite da sua Associação Distrital.
Neste caso quem substituirá as equipas impedidas de subir, serão aquelas que obtiveram melhor coeficiente na 3.ª Divisão na época que agora findou, 2013/14.
Tal como já tínhamos afirmado em tempos há três casos de equipas que conquistaram a subida mas que não têm condições de subida por não possuir os requisitos regulamentares, são:

3.ª Divisão Série “A”:
* ACD Ervededo FC
3.ª Divisão Série “C”:
* GURD MTBA
3.ª Divisão Série “D”:
* SC Farense

Assim sendo por terem melhor coeficiente na 3.ª Divisão quem ocupa os lugares destas três equipas são:

3.ª Divisão Série “C”:
* Eléctrico FC;
3.ª Divisão Série “A”:
* ADCR Caxinas;
* CD Aves;

Como já estão confirmadas duas desistências na 2.ª Divisão, como são o caso:

2.ª Divisão Série “A”:
* Crecor Cortegaça;
2.ª Divisão Série “B”:
* GS Loures;

Sobem as seguintes duas equipas:

3.ª Divisão Série “D”:
* Sonâmbulos FLA;
3.ª Divisão Série “Açores”:
* CE Vila Franca do Campo;

Caso exista mais uma ou duas desistências, as vagas serão preenchidas por mais duas equipas portuenses por serem a sexta e sétima equipa com melhor coeficiente na 3.ª Divisão, são elas por esta ordem:

3.ª Divisão Série “B”:
* Leões Valboenses FC;
* C Académico Sangemil;

Quantos às equipas das Associações Distrital e Regionais, algumas Associações não apuram o campeão por o mesmo não ter um escalão de formação que são:
Na AF Santarém um caso invulgar, os primeiros dez classificados e por esta ordem, CD Fátima, Casa do SLB da Golegã, GDR Sabacheira, CD Salvaterrense, CA Riachense, ACR Carvalhos Figueiredo, GD Sandoeirense, UFC Almeirim, Juventude Ouriense e Azinhaga AC, não têm qualquer escalão de formação sendo que a vaga caso o mesmo aceite, será preenchida pelo Clube Andebol São Vicentense, caso nenhuma das equipas que conseguiram a manutenção e têm um escalão de formação, não aceitem, a vaga será preenchida por uma das equipas melhores classificadas da 3.ª Divisão Nacional que ainda não tivessem subido administrativamente.

Na AF Évora o Grupo União Sport Montemor que foi Campeão Distrital, não sobe por não ter nenhum escalão de formação na época anterior e a vaga será preenchida caso aceitem, pela Casa do SL Benfica de Vendas Novas.

Na AF Algarve os dois finalistas do campeonato, CF Montes Alvorense, SC Olhanense, não têm nenhum escalão de formação, assim como um dos semi-finalistas Checul Quarteira, no entanto a outra semi-finalista Casa do SL Benfica de Vila Real de Santo António tem uma equipa de formação e caso aceite será ela a representante da AF Algarve.

Assim sendo as equipas que sobem das vinte Associações Distritais e Regionais, são as seguintes caso queiram subir aos Nacionais:

AF Viana do Castelo: Santa Luzia FC
AF Braga: ASCREDNO/Meltino
AF Vila Real: Valpaços FC
AF Bragança: Pioneiros Bragança FC
AF Porto: CCD Ordem
AF Aveiro: SC Beira Mar
AF Viseu: Pedreles Beira Dão C.
AF Guarda: CDC Pinheiro
AF Coimbra: GR Vilaverdense
AF Castelo Branco: UD Cariense
AF Leiria: Academia Caranguejeira
AF Santarém: CAS Vicentense
AF Portalegre: Associação Sou Jovem
AF Lisboa: ADR Tires Futsal
AF Setúbal: CA Santa Marta do Pinhal
AF Évora: Casa SL Benfica de Venda Nova
AF Beja: SA Almodovarense
AF Algarve: Casa SL Benfica de Vila Real Santo António
Região Autónoma da Madeira: CS Marítimo
Região Autónoma dos Açores: ????

Noticia retirada daqui